Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

terça-feira, 11 de outubro de 2016

Renato: 20 Anos

Fonte: Google Imagens
                                                       
"Nas favelas, do Senado, sujeira pra todo lado
ninguém respeita a Constituição, mas todos acreditam no futuro da nação"

Hoje faz 20 anos da morte de Renato Russo, um dos grande expoentes da música nacional. Coincidências à parte, votou-se na Câmara dos Deputados Emenda à Constituição que limita os gastos públicos por 20 anos. Acreditaria Renato, atualmente, no futuro da nação?

Certamente, caso estivesse vivo hoje, Renato Russo estaria deixando grandes composições no cenário musical brasileiro, hoje tão carente de letras que incitam a reflexão. Acredito que a música seja a união da manifestação corporal no movimento, e o pensamento prospectivo, que nos levam a um estado de espírito mais elevado.

Política, Amor, Família, entre tantos outros temas que faziam parte de suas composições, fazem-nos refletir sobre muitas das pautas em voga hoje no Brasil, o que mostra a relevância atual de sua obra. Penso que os jovens ainda o têm de modelo, pois através da memória de grandes pensadores e suas obras, poderemos construir e desenvolver coisas melhores para o país.

Que país é este Renato Russo? É ainda uma nação desigual e injusta e que urge por mudanças. O cenário atual entristece, mas ao tempo que suas canções nos traziam para o inferno, buscavam também a faísca da esperança, numa linha tênue que só os gênios conseguem alcançar. Viva Renato!

"Mas é claro que o sol, vai voltar amanhã
Mais uma vez, eu sei
Escuridão já vi pior, de endoidecer gente sã
Espera que o sol já vem
Quem acredita sempre alcança"

Sobre o autor: Vinícius Campani é formado em História pela UNISINOS, trabalha como Oficial de Justiça e é violonista nas horas vagas. Facebook | Gooogle +

Comentários
1 Comentários

Um comentário:

  1. Apenas para corrigir, suas canções "nos trazem e buscam". Afinal, ainda hoje escutamos muito Renato Russo. Abraços!

    ResponderExcluir